top of page

Relato de caso de angiossarcoma cerebral metastático em revista científica

Relatos de casos ajudam outros médicos a terem mais informações para diagnosticar e tratar doenças, especialmente quando suas ocorrências são escassas. Texto apresentado ao Neurosurgery Open discorre sobre um caso de angiossarcoma - um tumor endotelial maligno com origem no tecido vascular ou linfático - o qual foi identificado neste caso como angiossarcoma cerebral metastático. Nas palavras dos autores:


Relatamos um homem de 22 anos que apresentou uma crise convulsiva parcial complexa. A ressonância magnética cerebral contrastada (MRI) revelou 3 massas realçadas da junção frontal-parietal esquerda, lobo occipital direito e núcleo caudado direito. A tomografia computadorizada (TC) do tórax, abdome e pelve e uma ressonância magnética cardíaca não revelaram evidência de tumor primário. A imuno-histoquímica após a biópsia foi positiva para o fator de transcrição ETS ERG, CD31, FLI-1 e FosB, confirmando o angiossarcoma. A tomografia computadorizada/tomografia por emissão de pósitrons (PET) mostrou metástases esqueléticas no osso ilíaco esquerdo, sacro e corpo vertebral T6. O paciente foi submetido à ressecção das 2 massas corticais, radiocirurgia estereotáxica para as lesões intracranianas, bem como para suas oligometástases, e foi tratado com 9 ciclos de paclitaxel e bevacizumab. A ressonância magnética cerebral e a imagem corporal CT/PET após o ciclo 9 não revelaram recorrência ou progressão do tumor. A sobrevida global e livre de progressão após o diagnóstico de metástases cerebrais foi de 27 meses. (SHIELDS et. al.,2021)

Para mais detalhes leia artigo mencionado completo abaixo.

Fonte: Neurosurgery Open - Acessse PDF aqui


Referência bibliográfica: Shields, Lisa B E MD; Nickols, Hilary H MD, PhD; LaRocca, Renato V MD; Spalding, Aaron C MD, PhD; Shields, Christopher B MD; Rao, Abigail J MD. Unique Presentation and Diagnostic Challenges in Metastatic Cerebral Angiosarcoma: Case Report. Neurosurgery Open 2(2):okab014, June 2021.


DOI: 10.1093/neuopn/okab014

Commenti


bottom of page