top of page

Tomografia computadorizada de cabeça (TCC) revela achados positivos após lesões de atletas

Atletas sofrem lesões na cabeça durante a prática esportiva com mais frequência do que imaginamos. Mas o que acontece quando uma tomografia computadorizada de cabeça (TCC) revela achados positivos após uma lesão? Um estudo intrigante realizado por especialistas do Departamento de Neurocirurgia do Vanderbilt Sports Concussion Center, nos EUA, lança luz sobre essa questão.


A pesquisa, que examinou atletas com idades entre 12 e 23 anos atendidos em um centro de concussão regional, revelou que, surpreendentemente, 4% dos atletas submetidos à TCC após lesões na cabeça apresentaram resultados positivos. Esses achados incluíram casos como hematomas subdurais, fraturas faciais e outras condições. O que é ainda mais notável é que todos esses atletas foram tratados sem cirurgia e conseguiram retornar com sucesso às suas atividades esportivas.


Embora não tenha havido grandes diferenças em termos de perda de consciência ou amnésia entre os grupos com resultados positivos e negativos na TCC, o tempo necessário para retornar às atividades de aprendizado e ao jogo variou significativamente. Essas descobertas são importantes porque destacam a eficácia de uma abordagem mais conservadora no tratamento de atletas com achados positivos na TCC.


Se você está curioso para saber mais sobre como esses atletas voltaram ao jogo e as implicações dessas descobertas, este estudo pode oferecer insights valiosos.


Leia artigo completo abaixo.

Fonte: Neurosurgery - acesse PDF aqui


Comments


bottom of page